(in)delicadeza de amar.

Páginas

domingo, 13 de março de 2011



-Bom, feliz talvez ainda não. Mas tenho assim… aquela coisa… como era mesmo o nome? Aquela coisa antiga, que fazia a gente esperar que tudo desse certo, sabe qual? 
Esperança? Não me diga que você está com esperança! 
- Estou, estou…