(in)delicadeza de amar.: 01/05/13 - 01/06/13

Páginas

quarta-feira, 29 de maio de 2013

Large

Não sei bem o que dizer sobre mim. Não me sinto uma mulher como as outras. Por exemplo, odeio falar sobre crianças, empregadas e liquidações. Tenho vontade de cometer haraquiri quando me convidam para um chá de fraldas e me sinto esquisita à beça usando um lencinho amarrado no pescoço. Mas segui todos os mandamentos de uma boa menina: brinquei de boneca, tive medo do escuro e fiquei nervosa com o primeiro beijo.

Quem me vê caminhando na rua, de salto alto e delineador, jura que sou tão feminina quanto as outras: ninguém desconfia do meu hermafroditismo cerebral... Penso como um homem, mas sinto como mulher. Não me considero vítima de nada. Sou autoritária, teimosa e impulsiva . Peça para eu arrumar uma cama e estrague meu dia. Vida doméstica é para os gatos….

Martha Medeiros







Tumblr_ll1wnlvewc1qgqdsxo1_1280_large

E nós que morávamos um no outro, ficamos sem casa. 
Perdoe a falta de abrigo, é que agora eu moro no caminho.

Marla de Queiroz
Large

(...)
Aí eu tive que ficar quieta no meu canto, toda lacerada pela falta. Foi um período solitário em que vivi o luto necessário. Ele nem desconfiou que eu também estava triste, talvez se sentisse melhor se soubesse. Mas eu tinha que fazer valer minha palavra, demorei muito tempo tomando coragem. Demorei muito tempo desparafusando aquela gaiola e, depois, reaprendendo a voar.
(...)

Marla de Queiroz


Eu não me acho, eu sou! Sou tudo aquilo que me dá na telha. Eu não me fixo. Estou aqui, mas minha cabeça já está lá, para que quando eu estiver lá possa lembrar do que fui quando estive aqui! Eu não me determino, apenas me imponho. Tenho vontades que amanhã posso não mais tê-las. Eu não acordo, eu desperto para o prazer. Eu não durmo, eu descanso após o gozo de ter experimentado mais um dia. Eu gosto de brilho, por isso gosto de fazer os outros sorrirem! Isso sim é estar sob os holofotes!

Dri Cassimiro




Homem que não confia no próprio taco não pode jogar sinuca!

Dri Cassimiro



Img_0069_large

Hoje, não sou só esposa ou filha. Sou pai, mãe, arrimo de família, sou ourives, taxista, piloto de avião, policial feminina, operária de construção! Ao mundo peço licença, para atuar onde quiser. Meu sobrenome é competência, o meu nome é mulher.

Claudia Leitte

sexta-feira, 24 de maio de 2013



Tumblr_lnz27avfrx1qjo7izo1_1280_large


Já que o pra sempre não existe, vamos fazer valer o hoje. Vamos beijar mais, rir mais, preocupar-nos menos, dizer eu te amo mais vezes, mas sinceramente; não vamos nos irritar por bobagens. Deixar as coisas materiais de lado, tomar um banho de chuva, jogar vídeo game mais uma vez, tomar sorvete, andar descalço, ir em um balanço, talvez no circo. O importante não é o tempo que se tem pra viver, mas sim como se vive esse tempo!


quinta-feira, 9 de maio de 2013


É melhor você ter uma mulher engraçada do que linda, que sempre te acompanha nas festas, toma uma cerveja, gosta de futebol, aprecia um bom livro, prefere andar de chinelo e vestidinho, ou então calça jeans desbotada e camiseta básica, faz academia quando dá, come carne, é simpática, não liga pra grana, só quer uma vida tranquila e saudável, é desencanada e adora dar risada... Do que ter uma mulher perfeitinha, que não curte nada, se veste feito um manequim de vitrine, nunca toma porre e só sabe contar até quinze, que é até onde chega a sequência de bíceps e tríceps. Legal mesmo é mulher de verdade. E daí se ela tem celulite? O senso de humor compensa. Pode ter uns quilinhos a mais, mas é uma ótima companheira. Pode até ser meio mal educada quando você larga a cueca no meio da sala, mas e daí? Porque celulite, gordurinhas e desorganização têm solução. Mas ainda não criaram um remédio pra futilidade.

Arnaldo Jabour

quarta-feira, 8 de maio de 2013

 

Não me lembro mais qual foi nosso começo. Sei que não começamos pelo começo. Já era amor antes de ser.

Clarice Lispector


Sou doce. Sou azeda. Sou fria. Sou calorosa. Sou amor e também ódio. Sou um tempo ensolarado com previsão de chuva no fim da tarde. Previsão apenas, não se pode ter certeza absoluta em nada sobre mim. Sou inconstante  volúvel, impaciente, temperamental e rígida. Mas também sou calma, sossegada, paciente, com bom humor e flexibilidade. Sorrio hoje e choro amanhã. Mudo com o passar do tempo, de pessoas, e de momentos. Mudo com a dor e também com a alegria. Sou uma nova pessoa a cada dia. Me transformo a cada final. É como se existissem vários personagens dentro de mim, só esperando a hora certa para entrar em cena.






sábado, 4 de maio de 2013






Entenda, é tudo novo pra mim. Nunca precisei tanto de alguém como preciso de você, nunca desejei tanto um sorriso como desejo o seu, nunca esperei tanto por um beijo como espero pelo seu… Eu nunca fui tão eu mesma como sou com você. Perdão se às vezes meu jeito infantil de reagir te assusta ou te incomoda. Repito, é tudo novo para mim. Sinto-me uma criança confusa diante desse sentimento, sinto-me frágil diante do medo de te perder, sinto-me pequena diante da perfeição que a cada dia descubro em você, sinto-me cega diante da luz e magia que flui naturalmente dos seus olhos e do seu sorriso. Eu não sei o porquê de tudo isso. Não compreendo a imensidão do meu desejo. Desculpe pela infantilidade que te amar despertou em mim.


Caio F. Abreu
Tumblr_ls2j5d4z1c1qd6cwjo1_400_large

Quem já passou por essa vida e não viveu. Pode ser mais, mas sabe menos do que eu. Porque a vida só se dá pra quem se deu. Pra quem amou, pra quem chorou, pra quem sofreu. Ah, quem nunca curtiu uma paixão nunca vai ter nada, não. Não há mal pior do que a descrença. Mesmo o amor que não compensa é melhor que a solidão. Abre os teus braços, meu irmão, deixa cair. Pra que somar se a gente pode dividir. Eu francamente já não quero nem saber de quem não vai porque tem medo de sofrer. Ai de quem não rasga o coração, esse não vai ter perdão a vida é pra valer.


Vinicius de Moraes

sexta-feira, 3 de maio de 2013

Tumblr_mixwxxaxww1rdrweao1_1280_large

Se antes de você aparecer eu já te amava, eu já te esperava, eu já sabia que você existia, como eu posso não te amar agora que você tem forma, sorriso, coração e nome? 


Tati Bernardi

quinta-feira, 2 de maio de 2013



Não me prendo a nada que me defina. Sou companhia, mas posso ser solidão. tranquilidade e inconstância, pedra e coração. Sou abraços, sorrisos, ânimo, bom humor, sarcasmo, preguiça e sono. Música alta e silêncio. Serei o que você quiser, mas só quando eu quiser. Não me limito, não sou cruel comigo! Serei sempre apego pelo que valer a pena e desapego pelo que não quer valer. Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato. Ou toca, ou não toca.


Clarice Lispector

quarta-feira, 1 de maio de 2013

Large


Eu te amo e só. É só isso que você precisa saber. Uma única expressão, mas resume uma tonelada de sentimentos e turbulências dentro de mim. Como as noites que me deito mais cedo, mas durmo tarde porque fico horas pensando em você, como ás vezes que juro pra mim mesmo que não dependo de você e minutos depois já estou te procurando em coisas mínimas pra saciar esse desejo dominante de você. Talvez eu saiba que não vou te encontrar, mas te procuro, porque te procurar ameniza a angústia da sua ausência. E te encontro nunca no amargo, mas sempre no doce, no belo. E te desejo, e te quero, e te acrescento cada vez mais na minha vida. Porque o teu sorriso é a minha perdição e minha calmaria, é quando me esqueço pra lembrar de você. E eu não sei por que você insiste em me dominar assim, eu que um dia cheguei a dominar tanta gente ou sonhei em dominar, hoje fico presa diante de um único olhar. Sem por que, sem pra quê, só por você.