(in)delicadeza de amar.

Páginas

quinta-feira, 31 de março de 2011




Então delete, tudo aquilo que não valeu a pena. Quem mentiu, quem enganou seu coração, quem teve inveja, quem tentou destruir você, quem usou máscaras, quem te magoou, quem te usou e nunca chegou a saber quem realmente você é...

Caio Fernando Abreu