(in)delicadeza de amar.

Páginas

sexta-feira, 1 de abril de 2011

"Gosto de palavras na cara. De frases que doem. De verdade ditas. Sou prática em determinadas questões: ou você quer ou não." (+muito minha)