(in)delicadeza de amar.

Páginas

sexta-feira, 17 de junho de 2011

1322713403244_f_large

… tenho uma coisa apertada aqui no meu peito, um sufoco, uma sede, um peso. Não me venha com essas história de atraiçoamos-todos-os-nossos-ideais, nunca tive porra de ideal nenhum, só queria era salvar a minha, veja só que coisa mais individualista elitista, capitalista, só queria ser feliz, cara.



Caio Fernando Abreu