(in)delicadeza de amar.

Páginas

sábado, 9 de julho de 2011


Ando um pouco para dentro, não sei se você entende. Me fechei um pouco, de tudo. Me abri para mim, me fechei para o resto. Ainda não sei se é certo ou no que vai dar, mas garanto que estou me descobrindo um pouco.


Caio Fernando Abreu