(in)delicadeza de amar.

Páginas

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Tumblr_lrkt1fw2bn1qh7v9ao1_500_large_large


Eu sou apenas a garota angustiada, de cabeça metralhadora, de tremedeira na existência, de maxilares travados de tanto que dói gostar tanto de tudo. Eu sou apenas a garota que tenta ser amada. E sou profundamente amada por alguns meses, até o garoto segurar firme a minha mão e dizer "nós somos inseguros e queremos uma garota normal". E então eu me pergunto se não deveria lobotomizar meu cérebro pra pensar menos, lobotomizar meu coração pra sentir menos. 


Tati Bernardi