(in)delicadeza de amar.

Páginas

domingo, 8 de janeiro de 2012







Com o tempo a gente aprende que atenção, carinho e blush tem que ser na medida certa. Se não, a gente acaba de palhaça.