(in)delicadeza de amar.

Páginas

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Tumblr_lyc56vlapt1r7dt4mo1_500_large


Sabe meu menino sem juízo, eu já aprendi a te aceitar assim. Já me acostumei a perdoar você, e já nem sei porque seu mal faz bem pra mim. Chega, mal me beija e vai embora, sabe Deus a hora que você vai voltar, juro que na volta já não me encontra mais, mas logo volto atrás, meu mundo é seu.
 E vá se procurar, vá se desamar que as esquinas da vida te fazem voltar, e quanto à minha dor, não se importe amor, já se fez minha amiga, me dói devagar.


Alcione