(in)delicadeza de amar.

Páginas

domingo, 27 de março de 2011

Não vou enlouquecer, nem me matar, nem desistir. Pelo contrário: Vou ficar ótima! 
E incomodar bastante ainda. (Tati Bernardi)


Nem que seja fingimento... ninguém vai me ver chorar.