(in)delicadeza de amar.

Páginas

domingo, 16 de outubro de 2011



Eu não tenho medo do amor.Eu tenho medo é de amar quem tem medo dele. Amar quem teme o amor é como se apaixonar por uma sucessão de desistências.  

Marla de Queiroz